SEJAM BEM VINDOS!!!


domingo, 2 de dezembro de 2012



Uma mini pizzaria



Próximo à Santos Dumont, uma

parada para comprar queijinhos...deliciosos.



O rio Paraíba já perto de Areal / RJ


Castelo de Itaipava


Já na serra  Itaipava /Teresópolis




Amanhã voltarei com mais imagens da Serra...hoje lhes deixo um poema:


" Vamos Voltar Pra Casa ? "

 

Uma hora "sagrada" para mim é a hora da volta. A hora de voltar para casa. Acredito que seja uma "hora sagrada" para quase todos os homens.
Ao fim do dia de trabalho, de preocupações, de luta, atirado ao mundo ilimitado de interesses e ambições, aquela expectativa  de paz, de  aconchego, do seu pequeno mundo entre quatro paredes.
Os ingleses tem uma doce palavra que define esse porto de volta -
"home".
É o nosso lar.
Tenho uma pena infinita daqueles que não podem voltar, ou não tem para onde voltar. São como pássaros que tivessem que permanecer em vôo, sem o embalo de um ramo, ou a quentura de um ninho.
Na pressa do retorno, no fim da jornada, quando procuro os meios de condução, vez por outra surpreendo na ruas, nos bancos das praças, os vultos indigentes dos que não voltam, dos que terão de ficar, dos que vêem chegar a noite, indiferentes ao estranho burburinho humano que lembra o dos pardais, nas árvores da cidade.
Então, não consigo evitar que um pensamento amargo turve o meu apressado egoísmo. E uma tristeza inevitável esvoaça por momentos como uma borboleta negra que entrasse por uma janela aberta.
Todos nós, diariamente, ao entardecer, somos coo marinheiros de nós mesmos; navios que se avizinham do porto de origem. ansiamos por avistar a paisagem do coração, por encontrar os que nos são caros, os que justificam as partidas de todo dia, o cotidiano exílio do trabalho.
Em muitos trecho de minha poesia tenho fixado as emoções que essa hora me suscita. Sou um homem que acha que, até mesmo nas viagens de puro prazer, a grande alegria é a volta. Quase se poderia dizer que a gente parte antegozando  hora de retornar., transformar as uvas colhidas no vinho doce das lembranças, servido entre amigos.
Tal como se diz dos namorados: que brigam pelo prazer de fazer as pazes. Uma viagem é uma
"briga de namorados" com a vida. A gente larga o que gosta, para sentir saudades, e voltar mais apaixonado ainda.
Gostaria de citar para vocês os muitos poemas que escrevi, cantando a alegria de voltar. Sim, bem sei que tenho muitos outros poemas falando do desejo de partir, de perder-me em dionisíacos descaminhos. Mas, no fundo mesmo, o que prevalece é o sentido das raízes que prende o homem ao seu chão, que lhe permite, nos momentos de pausa, crescer e encher-se de flores, frutos e pássaros.

J.G de Araujo Jorge

11 comentários:

✿ chica disse...

Lindo texto e adorei as fotos.Tantas coisinhas pra ver,né? Linda semana,beijos,chica

Malu disse...

Também partilho do mesmo pensamento - PASSEAR É BOM, MAS VOLTAR PARA O LAR É SEMPRE MELHOR AINDA!!!
Um grande abraço e linda semana...

Mari Rehermann disse...

A Serra é sempre tudo de bom!! Lindas fotos e poema!!

Beijos!!♥

lis disse...

Oi Leninha
A serra é maravilhosa ,as paradinhas para os queijos e lanches , o ver lá do alto,muitos caminhos nos vales, neblinas nos montes e a paz que só a vegetação proporciona a nossa alma.
Concordo totalmente _como é bom viajar e poder voltar ,
A fala poética do Araújo Jorge toca fundo porque não temos ideia do enorme egoísmo quando corremos céleres pra nossa casa e passamos por indigentes por moradores de rua que nao tem pra onde voltar,
escolheram aquela vida? o que os levou àquele estado? e assim sem saber vamos seguindo,não é mesmo?
Um beijo grande Leninha e obrigada por compartilhar suas viagens, seus recantos e sua simpatia,
boa semana

Nós Os Cachorros disse...

Querida Amiga,

viajou né? rs
que delícia!!!
desculpe estar ausente, mas realmente aqui as coisas andam meio complicadas rs
um... parece ter sido tudo muuuuito bom!!!
pizza, queijos!!!
amo!!! rs
o poema...
belíssimo!!!
beijos mil!!!

manuela barroso disse...

Viajar, apreciar o verde nas encostas, os montes de nuvens a alegrar a paisagem e depois parar para um lanche gostoso...tão bom Leninha!
e as tuas fotos ilustram tão bem e beleza da viagem!Estão lindas.Gostei
Muitos beijinhos Querida

Filha do Rei disse...

Lindas imagens.Bjss

Tina Bau Couto disse...

Lindo texto!
Lindas fotos!
Encantada :)

*Escritora de Artes* disse...

Olá Leninha,

Bem-vinda ao lar, as fotos ficaram ótimas...

Também já estou de volta, viajar renova o espirito !

Bjos

Sandra Portugal disse...

Bom retorno para casa, pelo visto foi tudo muito bom! Adoro essa região.
Vim conhecer seu espaço e adorei pois muito me identifiquei com sua proposta!
bj
Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com.br//

Ani Cristal disse...

Que lindo Leninha


Aemi o poema
E as imagens, meu Deus que coisa mais linda...


Beijos
Ani