SEJAM BEM VINDOS!!!


domingo, 2 de outubro de 2011

RECEBI POR E-MAIL E ADOREI!!!

> >>  A ROSA
Era uma manhã de um dia de semana, desses de céu aberto e muito sol... Um trabalhador dirigia-se para seu local de trabalho. Passando em frente a um templo religioso, decidiu entrar. Era uma sala muito ampla, e ele se sentou num dos últimos lugares, bem ao fundo. Ali se pôs a fazer a sua oração cheia de vida, dialogando com Jesus. Ouviu, então, em meio ao silêncio, a voz de alguém, cuja presença não tinha percebido:  "Venha aqui. Venha ver a rosa."  Ele olhou para os lados, para frente, e viu uma pessoa sentada num dos primeiros lugares. Levantou-se e a voz falou outra vez:
 "Venha ver a rosa."
Embora sem entender, ele se dirigiu à frente e percebeu que sobre a mesa havia realmente um vaso, no qual estava uma linda rosa. Parou e começou a observar um homem maltrapilho que, vendo-o hesitante, insistiu:
"Venha ver a rosa."
 Sim, estou vendo a rosa, respondeu. Por sinal, muito bonita.
 Mas o homem não se conformou e tornou a dizer: "Não, sente-se aqui ao meu lado e veja a rosa."
Diante de tamanha insistência, o trabalhador ficou um tanto perturbado.  Quem seria aquele homem maltrapilho? O que desejaria com ele com aquele convite? Seria sensato sentar-se ali, ao lado dele?
Finalmente, venceu as próprias resistências e se sentou ao lado do homem
"Veja agora a rosa", falou feliz o maltrapilho. De fato, era um espetáculo todo diferente. Do lugar onde se sentara, daquele ângulo, podia ver a rosa colocada sobre um vaso de cristal, num colorido de arco-íris. Dali podia-se perceber um raio de luz do sol que vinha de uma das janelas e se refletia naquele vaso de cristal, decompondo a luz e projetando um colorido especial sobre a rosa, dando-lhe efeitos visuais de um arco-íris.
 E o trabalhador, extasiado, exclamou:  "É a primeira vez que vejo uma rosa em cores de arco-íris. Mas, se eu não tivesse me sentado onde estou, se não tivesse tido a coragem de me deslocar de onde estava, de romper preconceitos, jamais teria conseguido ver a rosa, num espetáculo tão maravilhoso"!

...............................................................................................................................................
 É preciso saber olhar o outro de um prisma diferente do nosso. O amor assume coloridos diversos, se tivermos coragem de nos deslocar de nossocomodismo, de romper preconceitos, para ver a pessoa do outro de modo diferente e novo.
 Há uma rosa escondida em toda pessoa, mas, às vezes, não estamos sendo capazes de enxergar. Há, todavia, necessidade de sairmos de nós mesmos, de nos dispor a sentar em um lugar incômodo, de procurar deixar de lado as prevenções, para poder ver as rosas do outro, de um ângulo diferente.  (autor desconhecido)

11 comentários:

Su disse...

sim sim, minha doce amiga... belíssima lição e aprendizado...
sair da zona de conforto é difícil muitas vezes, imagina então se deslocar daquilo que parece ser a única verdade...

linda e comovente história...

beijos!

Su.

Luna Sanchez disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luna Sanchez disse...

Quantas oportunidades preciosas perdemos por conservar convicções equivocadas, não, Leninha?

Belo post.

Um beijo enorme, ótima semana, querida.

✿ chica disse...

Lindo mesmo,Leninha! E que mensagem pra não esquecermos....beijos,obrigado!chica e ótima semana!

Cacá - José Cláudio disse...

Perfeito e belo, Leninha. Eu acho que muitas vezes tomamos a nós mesmos como referencial para olharmos para o outro e projetamos. As projeções são quase sempre ao nosso gosto subjetivo e não a potencialidade alheia. Adorei o texto. Abração e ótima semana.

Leninha disse...

Su muito querida,temos que estar,constantemente a nos renovar,a rever nossos valores,os quais,muitas vezes,nos foram impingidos de alguma forma e acabamos considerando como se nossos fossem.
Bjssss e uma linda semana,
Leninha

Leninha disse...

Luna amada,obrigada por seus comentários sempre carinhosos e pertinentes.Concordo com você.
Bjsssss e uma semana feliz,

Leninha

Leninha disse...

Querida Chica,que alegria ter você de volta e o seu carinho sempre presente.
Espero que os "bichinhos"tenham sumido...fiz uma limpeza nos blogs.
Bjsssss e uma gloriosa semana,
Leninha

Leninha disse...

Realmente,querido Cacá,precisamos parar de querer ver o outro de acordo com nossa ótica.Temos que ver o potencial do outro e não,apenas aquilo que nos agrada.

Uma semana muito feliz para você,querido amigo.

Bjsssssss,
Leninha

Ivani disse...

Linda lição de vida minha amiga!
Oxalá todas as pessoas se despissem diante das novidades, diante das coisas belas da vida.
A maioria de nós ainda traz nas costas uma couraça de aço, dificil de carregar mas mais dificil ainda de tirar.
Vida danada essa em? Procuro sempre olhar de outros ângulos, enfrentar meus preconceitos (todos temos) e viver melhor.
É dificil? sim . . mas quem falou que seria fácil?
Adorei vir aqui como sempre.
Beijos querida, fique em paz.

Leninha disse...

Ivani querida,adoro encontrar o seu sorriso em minha página e em minha vida...sorriso terno,carinhoso,gentil...é assim que te sinto,apesar dos quilômetros a nos separar.

Bjssssss carinhosos,
Leninha