SEJAM BEM VINDOS!!!


terça-feira, 19 de julho de 2011

ANIVERSÁRIO DE MANDELA --- Jornal de Angola

Milhões de crianças por toda a África do Sul cantaram ontem os parabéns ao ex-presidente do país e Nobel da Paz Nelson Mandela, que completou 93 anos. O ícone da luta contra o apartheid na África do Sul passou o seu aniversário com familiares na povoação da sua infância, na província de Cabo Oriental.
Os sul-africanos comemoraram o aniversário de Mandela e toda a população foi convidada a realizar boas acções em homenagem à sua luta política.
Na sua mensagem de felicitação, o presidente Jacob Zuma disse que "como primeiro presidente de uma sociedade livre e democrática na África do Sul, Nelson Mandela criou as bases de uma sociedade verdadeiramente não racista, não sexista, democrática e próspera".
Antes das aulas, mais de 12 milhões de estudantes deram voz ao hino, mas numa versão especial escrita para o ícone do movimento anti-apartheid, intitulada "Feliz Aniversário, Tata Madiba".
Centenas de milhares de pessoas participaram da campanha 'Ofereça 67 minutos de trabalho', pelo dia internacional de Mandela, criado em 2009 para lembrar os 67 anos que "Madiba" dedicou à luta pela liberdade e pela igualdade entre os homens e pelo fim do apartheid e início de uma democracia multirracial no país.

3 comentários:

Su disse...

oi minha amiga querida... grande texto, grande Mandela...

passando pra deixar um beijinho de boa noite e desejar um feliz dia dos amigos, ebaaaaaaaaaa que venham vários e vários e muitos e muitos outros...

te adoro amiga!

Su.

Ivani disse...

Oi Leninha minha querida, como está?
Sabe que sempre admirei muito esse homem.
Sua luta pelo povo tão sofrido da África não será esquecida, jamais.
Ele é uma pessoa iluminada, nota-se apenas em olhar o seu sorriso.
Fico muito contente quando vejo você lá no Samambaia.
Já gosto muito de você, minha amiga, e gosto também de vir aqui te visitar.
Tenha um boa noite, bom descanso.
Beijos

O meu pensamento viaja disse...

A estatura de Madiba transcende a do comum dos mortais. Li a biografia, assisti ao filme e conclui que este homem escapa aos clichés, ´~e real, mesquinho outrora, sublime no presente porque ganhou asas, soltou os pés do barro terreno e voou guiando um povo na sobre-humana missão de vencer ódios e ressentimentos.
Quantos Madiba conhece?
Eu, nenhum, além deste.
Beijo, querida,
Nina